quinta-feira, 29 de dezembro de 2011

Bolo de buttermilk com mirtilos

Sabe quando a gente encasqueta uma coisa na cabeça e enquanto não fa,z não sossega? Esta era exatamente a minha expectativa quanto a realização de alguma receita que pudesse ter o tal do mirtilo. Via, em muitos blogs, diferentes tipos de receitas, mas aqui no cantinho onde moro não encontrava o tal do mirtilo. Um belo dia, fazendo as minhas compras semanais na frutaria da cidade, deparei-me com uma caixinha (aquelas embalagens plásticas) com um punhadinho de mirtilo (mais ou menos uns 100 g). Fiquei toda feliz e logo peguei uma caixinha; mas, quando vi o preço, desisti da compra. Mesmo assim, minha cabeça não parava de querer experimentar algo com os dito cujos.

Passaram-se meses e um dos supermercados da minha cidade mudou de rede, o que resultou em algumas inovações de produtos que até então eu não tinha visto por essas bandas de cá. Fazendo minhas compras, encontrei a tal frutinha do mesmo jeito que na frutaria: numa caixinha de plástico com uns 100g. Só que quando olhei o preço, a esperança voltou a reinar e logo coloquei uma caixinha no carrinho, pois era o que eu precisava (a receita já estava selecionada) e que podia pagar por ela sem prejudicar a compra de outros produtos de maior necessidade.

Assim, depois de muito esperar, surgiu o o bolo, razão deste post. O bolo em si é muito bom, mas confesso que eu esperava mais do tal mirtilo. O seu sabor e a sua textura são bons, mas como a minha expectativa era muito grande, acabei não achando grandes coisas. Mas misturado ao bolo ficou muito bom. Fato este que o único pedaço que eu comi foi este no pratinho da foto; o restante foi consumido pelo meu marido com vontade de "quero mais".

A receita é do blog da Pâmela (com a escrita original dela) que apresenta outras gostosuras.



Ingredientes:

1 xícara (130gr) de farinha de trigo
1/2 colher (chá) (2gr) fermento em pó
1/2 colher (chá) (2gr) bicarbonato de sódio
1/4 colher (chá) sal
56 gr manteiga sem sal, amolecida
2/3 xícara (146gr) mais 1 e 1/2 colher (sopa) (22gr) açucar, dividido
1/4 colher (chá) de essência de amêndoas, ou 1/2 colher (chá) de essência de baunilha
1/2 colher (chá) de raspas de limão
1 ovo grande
1/2 xícara (118 ml) buttermilk*
1 xícara (140gr) mirtilo

*Receita de buttermilk caseiro: Para cada xícara de buttermilk que a receita pedir, coloque 1 colher (sopa) de suco de limão ou vinagre branco em um recipiente graduado, e acrescente leite até completar uma xícara. Deixe descansar por cerca de 10 minutos antes de usar.


Modo de fazer:

Pré aqueça o forno a 200°C. Unte uma forma redonda de 23cm.

Numa tigela peneire a farinha, o fermento, o bicarbonato, o sal e reserve.

Na batedeira, bata a manteiga e 2/3 do açucar em velocidade média-alta até ficar uma mistura clara e fofa, cerca de 3 a 5 minutos. Adicione a essência e as raspas de limão. Acrescente o ovo e bata bem. Em velocidade baixa, adicione os ingredientes secos em três partes, alternando com o buttermilk, começando e terminando com a farinha. Bata até ficar bem misturado, mas não bata demais. Derrame a massa na forma, espalhe os mirtilos por cima e salpique todo o topo com o restante do açucar.

Asse por 20 a 25 minutos, ou até que o teste do palito saia limpo.

OBS.: o buttermilk é um ingrediente que dá um toque todos especial ao bolo; já o usei na receita do Hots roll e aqui no bolo ficou perfeito.

quarta-feira, 14 de dezembro de 2011

Biriba de coco



Outro docinho que ganhou muitos elogios no aniversário da filhota foi este. Posso dizer que ficou em segundo lugar entre a opinião dos convidados. Quando achei essa receita no fascículo Churros e Guloseimas, da coleção Dona Benta, não tive dúvidas em experimentá-la em forminhas de docinho, o que deu muito certo como podem ver. A receita é muito rápida, preparada à mão (sem batedeira e sem liquidificador) e rende aproximadamente 200 forminhas de docinhos. Ainda vou repeti-la para assar em forminhas de quindim ou de queijadinha. Ah, por falar em queijadinha, todos da festa pensaram que era a própria, mas esta receita não leva queijo. Eu amei esta receita e para mim vem em primeiro lugar, deixando o beijinho de marcujá com recheio trufado em segundo. Experimente e se surpreenda.

Ingredientes:
2 colheres (sopa) de manteiga amolecida
3/4 de xícara (chá) de açúcar
1 lata de leite condensado
6 ovos
150 g de coco ralado

Modo de fazer:
Misture a manteiga com o açúcar e incorpore o leite condensado. Adicione os ovos levemente batidos e mexa com um batedor de arame (fouet) até homogeneizar. Junte o coco e misture bem.

Distribua a massa em forminhas de papel descartáveis ( nº 2), acomodadas em uma forma grande, e leve ao  forno moderado preaquecido (180º) por cerca de 25 minutos ou até dourar.

Se prepare, pois é impossível de comer apenas alguns.

OBS. Arume primeiro as forminhas de docinho em um tabuleiro ou forma de pizza para depois enchê-las utilizando uma colher de sobremesa, pois com a de sopa entorna muito fora das forminhas. Não encha até a borda das forminhas para não transbordar enquanto assa.

Beijinho de maracujá com recheio trufado

Organizar o aniversário da filha e ao mesmo tempo gostar de cozinhar acaba levando essa mãe multifacetada (e nada modesta)  a assumir o preparo de alguns itens ou de todo o cardápio da festa. Esse ano assumi algumas coisas, entre elas, os docinhos. Selecionei um a um para apresentar novidade e a que foi mais comentada durante a festa e algum tempo depois dela foi este docinho, razão deste post. A receita é facílima de preparar, só requerendo um pouco de tempo para enrolar os docinhos.

A receita é da coleção Dona Benta, do fascículo  de Docinhos Especiais, e ela mistura o sabor azedinho do maracujá com o amarguinho do chocolate, e isto com o tom adocicado. Vale experimentar. Então, vamos ao que interessa.



Ingredientes:

Beijinho
2 1/2 xícaras (chá) de leite em pó integral
2 xícaras (chá) de açúcar de confeiteiro
1/2 xícara (chá) de suco de maracujá concentrado
Açúcar de confeiteiro para envolver

Recheio
100 g de chocolate meio amargo picado
2 colheres (sopa) de leite
1 colher (sobremesa) de rum

Modo de fazer:

Beijinho
Misture o leite em pó com o açúcar de confeiteiro e vá acrescentando o suco aos poucos, enquanto amassa, até formar uma bola macia que solta das mãos (se necessário, pingue mais suco para ajustar a consistência). Envolva em um filme plástico e reserve na geladeira por aproximadamente 1 hora.

Recheio
Derreta o chocolate com o leite em banho maria, mexa até ficar liso e agrege o rum. Leve à galadeira, coberto com filme plástico, até firmar.

Modelagem
Com as mãos untadas, molde bolinhas de chocolate com menos de 1 cm de diâmetro  e leve de volta à geladeira por 20 minutos.

Modele bolinhas maoires com a massa do beijinho, achate na palma da mão e recheie com uma bolinha de chocolate. Termine de enrolar, envolva em açúcar de confeiteiro e disponha os docinhos em forminhas apropriadas.

Depois disto, é só se deliciar.

domingo, 11 de dezembro de 2011

Gravata ao molho de calabresa e bacon



Macarrão é sempre um ingrediente que propicia um prato saboroso, nutritivo e rápido. Na hora da fome, ele satisfaz tanto o paladar quanto a exigência de pouco tempo no preparo. Claro que por ser um carboidrato, deve ser consumido na porção ideal para uma dieta equilibrada. Eu amo massa e de qualquer forma ela me apetece. Então vamos lá.

Ingredientes:

1/2 kg de macarrão gravata (ou outro de sua preferência)
3 litros de água para cozinhar o macarrão
1 colher (sopa) de sal
1 fio de óleo
1 gomo de linguiça calabresa sem pele e picado em cubos
1 xícara (chá) de bacon sem pele e picado em cubos
2 dentes de alho grandes e amassados 
1 cebola picada bem miudinha
2 tomates picados em cubos pequenos
1 sachê de molho de tomate pronto
sal, se necessário
cheiro verde à gosto picado bem muidinho
queijo ralado para acompanhar (opcional)



Modo de fazer:

Coloque água numa panela e leve ao fogo até ferver. Acrescente o sal e o óleo, coloque o macarrão e deixe cozinhar, mexendo de vez em quando para não grudar. Escorra e coloque em uma travessa. Reserve.

Coloque o bacon já picado em uma panela antiaderente e frite no próprio óleo. Escorra e reserve. Proceda da mesma forma com a calabresa. Na mesma panela, na pouca gordura que sobrou do bacon, frite o alho e a cebola até murcharem. Acrescente o tomate, mexa, abaixe o fogo e deixe cozinhar. Acrescente o molho de tomate pronto, acerte o sal e deixe mais uns 3 minutos. Desligue o fogo, acrescente o cheiro verde e distribua sobre o macarrão cozido que já está na travessa. Sirva quente, acompanhado de um bom azeite de oliva extra virgem e de queijo ralado.

OBS. pique todos os ingredientes antes de iniciar o cozimento do macarrão, pois enquanto isto acontece, será o tempo suficiente para o preparo do molho. Fazendo assim, quando o macarrão chegar ao ponto de cozimento, o molho estará pronto e o prato será servido quentinho.

Bom apetite!

sexta-feira, 9 de dezembro de 2011

Bolo de fubá caramelizado



Nossa, a minha ausência tem sido presente aqui, kkkk. Não vou nem tentar explicar, mas vou recompensá-los com uma receita maravilhosa que compartilhei do delicioso blog da Priscila. Quando vi a receita fiquei receosa de que pudesse dar errado por causa da calda, mas minha supresa foi grande quando o bolo escorregou suavemente da forma para o prato. Outra supresa foi a combinação da textura crocante da casquinha que se forma com a parte interna do bolo cheia de coco. Alguns diriam que acompanha um belo cafezinho preto ou café com leite. Mas minha preferência de bebida quando se trata de bolo de fubá é um leite gelado sem açúcar. Neste caso, o doce do crocante ficou na dose certa acompanhado do leite sem açúcar. O resultado foi tão bom que o bolo acabou em menos tempo que os demais. Se você aprecia bolo de fubá, não deixe de experimentar esta receita, pois é deliciosa e surpreendente, como também muito fácil de fazer.





Ingredientes:

1 xícara (chá) de açúcar ou 12 colheres (sopa) bem cheias
3 ovos
160 ml de leite de vaca
160 ml de óleo de milho
1 xícara (chá) de açúcar
1 xícara (chá) de fubá mimoso
2 colheres (sopa) farinha de trigo
1 colher (sopa) fermento em pó
100 g de coco ralado



Modo de fazer:

Preaqueça o forno a 180º enquanto prepara a receita.

Coloque a primeira xícara de açúcar na forma de pudim e leve ao fogo direto na boca do fogão. Queime o açúcar até caramelizar, mexendo a própria forma para não queimar  e segurando com luva de cozinha ou um pano de prato. Depois de caramelizado, retire do fogo imediatamente, coloque sobre a pia para o calor diminuir; enquanto isto, espalhe o caramelo por toda a forma, virando-a por todos os lados. Reserve.

Coloque no liquidificador todos os demais ingredientes, com excessão do coco ralado e do fermento. Bata tudo junto. Acrescente o fermento e dê uma batida rápida. Com o liquidificador desligado misture o coco;  em seguida, despeje a massa na forma caramelada, leve a assar normalmente como bolo direto na grade do forno, por aproximadamente 40 minutos ou até que ao espetar um palito ele saia limpo.

Para desenformar é preciso esperar o bolo esfriar totalmente. Depois, esquente a forma direto na boca do fogão  para que o caramelo que secou, derreta e solte o bolo. Quando o bolo estiver se mexendo dentro da forma, está no ponto de desenformar.

Então, boa degustação.

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails